Busca

Clipping

Início » Central de Conteudo » Clipping » Desafio InovaTur premia propostas para alavancar o turismo no Pará
conteúdo principal

Desafio InovaTur premia propostas para alavancar o turismo no Pará

Assunto Data Veículo Tipo
Sectet na Feira do Livro segunda-feira, Maio 25, 2015 Agência Pará Online
Energia Solar quarta-feira, Outubro 14, 2015 ORMNews Online
Fórum de Tecnologias Sociais terça-feira, Outubro 27, 2015 ORM News OnLine
Cursos Profissionalizantes terça-feira, Outubro 4, 2016 G1 Pará Online
Cursos Profissionalizantes quinta-feira, Outubro 13, 2016 Diário OnLine Web
Programa Inova Pará quarta-feira, Março 1, 2017 Rádio Cultura Rádio
Programa Pará Profissional sexta-feira, Março 24, 2017 Tribuna Tapajônica On-line (Blog)
Inauguração do Laboratório do Leite sexta-feira, Maio 12, 2017 Diversos Diversos
Prêmio de Inovação na Indústria Mineral segunda-feira, Maio 8, 2017 O Liberal Impresso
Curso Técnico em Açúcar e Álcool segunda-feira, Junho 26, 2017 Rádio Cultura Rádio

Páginas

Informações: 

 

Aplicativos, plataformas e jogos digitais que façam paraenses e turistas passear pelo Pará em suas mais diversas roupagens, seja o Pará de história e rica cultura, o de aventuras, o de belezas naturais ou de eventos profissionais e sociais. No total, nove propostas para alavancar o turismo no estado foram conhecidas durante a última etapa do Desafio InovaTur, ocorrida na noite desta sexta-feira (18), dentro da programação da Feira do Empreendedor, organizada pelo Sebrae, no Hangar – Centro de Convenções e Feiras da Amazônia.

O Desafio InovaTur é uma ação conjunta das Secretarias de Estado de Turismo (Setur) e de Ciência, Tecnologia e Educação Profissional e Tecnológica (Sectet), em parceria com a Agência de Inovação Tecnológica da UFPA (Universitec) e o Parque de Ciência e Tecnologia (PCT) Guamá.

O secretário adjunto de turismo, Joy Colares enfatizou a necessidade de se valorizar o turismo como atividade geradora de renda para a população, além de divulgar o estado do Pará de uma forma mais atual. “A divulgação do turismo de forma tradicional, por meio de exposições em eventos da área, por exemplo, é muito dispendiosa, precisamos de soluções digitais, modernas. Iniciamos esta história na divulgação do turismo no Pará e é por isso que estamos aqui, precisamos que várias atividades e setores ganhem com o turismo”, explicou.

O Desafio, lançado em dezembro de 2017, foi aberto a estudantes, profissionais, entusiastas ou qualquer pessoa com interesse nos temas empreendedorismo e inovação com talento para o desenvolvimento de soluções inovadoras para alavancar o alcance promocional dos produtos e regiões turísticas do estado aos níveis regional, nacional e internacional; buscar novos modelos e soluções para a gestão do turismo no Pará; e promover o empreendedorismo na área.

Ao todo, 59 propostas foram recebidas, das quais 14 foram selecionadas para a fase de capacitações, sendo que apenas nove atenderam às regras para se apresentarem no dia da premiação,quando as equipes tiveram cinco minutos para expor oralmente suas propostas – o chamado pitch – a uma comissão formada por cinco jurados, representando as instituições organizadoras e parceiras.

A proposta intitulada “Bem-te-vi Pará” foi a grande campeã da noite. “A ideia é trabalhar como turismo de forma segmentada, o turismo está ainda muito disperso, algumas pessoas vêm ao Pará para um turismo ecológico, outras para um turismo de aventura, turismo de negócios, então pensamos em como fazer com que essas pessoas sejam bem atendidas. O objetivo do projeto é termos um aplicativo com um serviço personalizado de forma que sejam apresentados a cada pessoa pacotes turísticos de acordo como o perfil”, explicou um dos autores do projeto, Arley Pinheiro.

A comissão julgadora ainda elegeu em segundo lugar a proposta do “Zarpar Pará”, aplicativo para facilitar as informações a respeito do transporte hidroviário, gastronomia, pontos turísticos do Estado. Já, em terceiro lugar, ficou a proposta do aplicativo “Quero Saber”, que vai oferecer, por meio de QR Code, rotas personalizadas para o turista.

Os vencedores receberam uma premiação em dinheiro no valor de R$ 10.000, 00 (dez mil reais) para o primeiro colocado; R$ 5.000,00 (cinco mil reais) para o segundo; e R$ 3.000,00 (três mil reais) para o terceiro lugar. Além disso, os premiados ainda receberão três meses de hospedagem no Espaço de Coworking do PCT Guamá, com apoio e orientações para amadurecer as ideias.

Ao todo os proponentes selecionados passaram por três capacitações no processo de nivelamento. A primeira delas ocorreu no dia 26 de abril, na Setur, quando se abordou o Plano Estratégico de Turismo do Estado do Pará. A segunda ocorreu no dia 27 de abril, na sede da Sectet, e abordou o tema “Empreendedorismo e inovação”. Por fim, a última ocorreu nos dias 3 e 10 de maio, na sede da Universitec. Nessa última, os candidatos selecionados passaram por uma simulação do pitch.

Por Fernanda Graim